A arrogância da ‘Ite Malia’

Share This:

Jessé Souza*

A arrogância política da prefeita Teresa Surita (MDB) pôde ser medida, mais uma vez, na abertura do ano legislativo da Câmara Municipal de Boa Vista, nesta terça-feira. Ao não aparecer à sessão para ler a Mensagem do Poder Executivo, prestando conta de sua administração e apontando suas prioridades para este ano, ela desdenha os vereadores e mostra que não tem o menor apreço pelo Legislativo como um poder.

Embora muitos vereadores tenham culpa por serem completamente submissos, essa atitude de desprezo com o Poder Legislativo municipal não se justifica. Porém, Teresa tem agido sempre desta forma em todas as suas ações. Suas decisões são tomadas no gabinete, sem ouvir a sociedade, muito menos aqueles que são afetados diretamente por suas canetadas.

Exemplo disso é o decreto assinado por ela que regulamentou a lei de estacionamento rotativo Zona Azul, no Centro de Boa Vista. Ao baixar o decreto, ela não ouviu os empresários donos de loja do centro comercial, moradores da área, professores e estudantes de escolas públicas e de cursinhos das imediações. Teresa simplesmente canetou, obrigando todos, indistintamente, a pagarem pelo estacionamento.

O projeto da Zona Azul aprovado pela Câmara tem o objetivo de regular e organizar o estacionamento na Capital, em especial do centro comercial das avenidas Jaime Brasil e Sebastião Diniz, atendendo a uma antiga reivindicação dos consumidores, que não conseguiam vagas nos estacionamentos onde o comércio está concentrado. Porém, ao achar-se soberana em tudo, a prefeita desconsiderou a realidade de quem não é cliente, como os trabalhadores, lojistas e estudantes e professores.

É assim que Teresa planeja navegar numa onda que ela acha estar “de boa”, acreditando que não deve dar satisfação a ninguém, nem a vereadores e muitos menos à população, a qual ela acha naturalmente manipulável pelas suas propagandas e mídias nas redes sociais. Aliás, ultimamente ela tem se referido a tudo com o termo “Ite Malia”, querendo chamar animais e gente de “fofos” em seu perfil no Twitter.

Bancando uma “fofura política”, a prefeita acha que tudo pode sem dar satisfação à sociedade e ao Legislativo municipal. E de fofura em fofura Teresa atropela todos. Ela só não consegue ter voz altiva com o ex-senador Romero Jucá (MDB), que antes de deixar o cargo no Senado desfilava em seus institucionais como se fosse o prefeito de Boa Vista. Vamos esperar para ver se Jucá vai mesmo manter a coleira em sua sempre subalterna política.

*Idealizador do site Roraima de Fato

Compartilhe este post:
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Share on LinkedIn
Linkedin
Email this to someone
email
Print this page
Print

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.